Como saber se o ovo não está estragado

Como saber se o ovo não está estragado

Nesse mar de ovos à venda no supermercado como saber se o ovo não está estragado?

Ovo, ao contrário da carne, vem dentro um invólucro o que impossibilita de sabermos se está fresco, meio fresco ou estragado.

As carnes são mais fáceis de identificar se estão ou não frescas. Cor e cheiro são dois sinalizadores importantes do frescor do produto. O ovo pode até exalar um aroma estranho, mas isso costuma ocorrer se o produto estiver muito podre.

Toda vez que vou abrir ovo para alguma receita sempre fica uma tensão no ar porque nunca sei se ao abrir terei uma surpresa agradável ou não. Mais uma vez quem veio ao meu socorro foi um feirante. Ele me ensinou como saber se o ovo não está estragado quando eu estiver no supermercado, no sacolão ou mesmo na feira. leia mais

As foods que são fast: ovos no shakshuka

fast que são foods: shakshukaOvo é aquele ingrediente que, acho, todo mundo ama (exceto os alérgicos, claro), portanto, desconfio que não faltem boas receitas com ele no papel principal.

Por isso, eu não deveria gastar um post com o produto principal da galinha, já que é tão popular e com receitas abundantes. Mas decidi correr o risco porque ovo faz parte do grupo das foods que são fast, assim como cogumelos, sobre o qual eu escrevi aqui nesse post. Comidas que facilitam um bocado o cotidiano culinário da família sem precisar recorrer aos alimentos ultraprocessados. leia mais

Agora somente ovos caipiras e orgânicos

Não compro mais ovo comum. E nenhum cientista andou “maledizendo” o ovo nosso de cada dia. Dessa vez, esse povo que adora procurar pelo em ovo está quietinho. Aliás, acho bom que fiquem em silêncio porque ovo é tudo de bom e é a proteína que o Miguel come sem drama.

Bom, passei a achar que o único ovo bom mesmo é o caipira. Melhor ainda se for caipira e orgânico (mas esse custa um pequena fortuna). Voltando… Passei a acreditar nisso porque sou uma mulher altamente influenciável e depois que assisti a um vídeo da ABC News sobre a qualidade do ovo usado num lanche do McDonald´s, nos EUA. As galinhas, tadinhas, todas presas numa gaiola com mais cinco comadres – algumas vivas outras nem tanto. Nunca são soltas. Jamais enxergam a luz do dia. Vi uma imagem parecida em um dos livros de receita do Jamie Oliver, nem lembro mais qual, o que já tinha me motivado a comprar cada vez mais ovo caipira. Mas a cena das donas galinhas amontadas me chocou tanto que agora não abro mais exceção porque acredito que por aqui as condições devem ser bem parecidas. leia mais