Desafios do lanche after school

desafios do lancheTexto mostra os desafios do lanche quando as crianças saem da escola e não vão diretamente para casa. Venha ver e conhecer algumas dicas para driblar a questão

Como montar uma lancheira saudável é um tema que a gente se depara no retorno das aulas, pois é um desafio montar uma lancheira saudável e prática. Esse ano, porém, vamos enfrentar, aqui em casa, os desafios do lanche after school.

Explico: os meninos mudaram de ciclos e, portanto, o tempo de aula aumentou em 30 minutos. Isso significa que vão almoçar 30 minutos mais tarde do que estavam acostumados ou até mais tarde caso enfrentem um trânsito mais pesado que o normal.

Mig até agora não é daquelas crianças que clamam de fome. Samu, ao contrário, é daqueles que telefona no meio do caminho para saber qual é o cardápio e anuncia que está faminto. Hoje, coloquei uma banana na mochila do filho mais voraz para ser o lanchinho pós-aula, para ele devorar no caminho de volta. Bananas são ótimas porque pesam no estômago, dando uma acalmada nas dores da fome.

Como oferecer o mesmo alimento todo dia enjoa, andei pesquisando algumas alternativas 1) práticas, 2) de preferência saudáveis, 3) que agradam o paladar dos meninos, 4) que possam dar uma tapeada, mas não devem matar a fome e 5) que suportem ficar muito tempo fora da geladeira, para alternar com a fruta. Não foi uma tarefa fácil. Não mesmo. Na verdade é quase uma arte conseguir encontrar esses snacks after school.

Aqui estão algumas sugestões de lanches after school:

– pacotinho com frutas oleaginosas, principalmente, amendoim torrado;

– pedaço de bolo ou cup cake caseiro (pode variar no sabor);

muffins salgados;

– biscoito com chocolate;

 dois cookies caseiros;

– pacotinho com biscuit ou torradinhas;

– duas bisnaguinhas ou qualquer pão pequeno puro;

– algumas poucas bolachas (salgadas ou doces) simples, sem recheio;

potinho com legumes variados: cenouras babys, tomate e pepino em tiras;

– potinho com azeitonas verdes sem caroço;

– frutas frescas variadas.

Bom, acho que dará para os próximos 11 dias. Depois eu me viro nos 30 e descolo outras mais.

Mas, se você tiver algumas sugestões e dicas para os desafios do lanche depois da escola e antes da refeição, por caridade, compartilhe aqui, vai?

Por favor!

beijos,

Patricia

 

6 Comments

Carol Baggio

Patrícia,
Adorei as dicas e o link das 65 ideias pra montar um lanche saudável. Na escola da Nina, optei por mandar o lanche diário justamente porque queria proporcionar algo mais saudável. Só fico na dúvida de como será com os coleguinhas, se ela vai querer comer dos outros… acho que sim, né? rs. Mas faz parte, o importante é que ela se acostume a bons hábitos alimentares desde cedo!
Beijos

Reply
Ela

Dou a dica de saquinhos de frutas secas, barrinhas de cereais caseiras, 2 pequenos pães de queijo, queijinho polenguinho, suquinho de caixinha com menos quantidade de açucar… E vamos pensando! 😉

Reply
Comer para Crescer

Lia,
Adoraria que Samuel também curtisse as frutas secas e as desidratas. Mas ele não curte. Meu maior problema para esse lanche pós aula e pré-almoço é ajustar no gosto. Se eu mando algo que ele não curte, ele não come. Um direito dele. Mas será desperdício, então… E sabe, o paladar dele mudou nos últimos dois, três anos. Não sei se tem a ver com a proximidade da puberdade, mas o garoto se transformou num filho do Fred Flinkstone. Come verde porque eu contrabandeio no arroz, em bolinhos etc. Do contrário ele comeria carne vermelha todos os dias da vida dele.
Beijos
Patricia

Reply
Daniela Kohl

Costumo fazer uns pasteizinhos de forno usando massa de torta arosa e polenguinho de recheio. Paraticos e fáceis de fazer, ficam uma delícia.

Reply
Janaina Schlickmann

Patrícia, ótimas dicas. Temos sempre esse dilema do lanche né. Não estou conseguindo abrir com as 65 idéias. Beijos

Reply

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *